terça-feira, 26 de outubro de 2010

DEPRESSÃO INFANTIL: Criança também se estressa!!!


Quando se fala de estresse, pensamos em uma doença só dos adultos, porém essa não é a realidade. As brigas entre os pais, a mudança de casa ou de escola, o nascimento de um irmão, a exigência de conhecer novos amigos e as excessivas tarefas, também podem transformar as crianças em vítimas deste problema.

O stress é uma reação natural do organismo diante de um estímulo ou situação especial de tensão ou de intensa emoção, que pode ocorrer em qualquer pessoa, independente de idade, raça, sexo e situação socioeconômica.


Os pais devem trabalhar para manter o lar e esta atividade pode demandar muito tempo fazendo com que se tornem indivíduos ausentes na casa, que só exijam o rendimento das crianças sem apoio afetivo. Este último é vital para evitar o estresse e poder perceber o que o filho sente.

Devemos alertar os pais a respeito do stress, ele ainda é muito pouco conhecido pela maioria deles. A criança é um ser em desenvolvimento, bastante sensível, que capta facilmente as emoções das pessoas ao seu redor. Atitudes saudáveis em situações de conflito são essenciais para a saúde do seu filho.

Se perceber alguns dos sinais abaixo busque ajuda.

· Mudanças de humor significativa

· Diminuição da atividade e do interesse

· Queda no rendimento escolar, perda da atenção

· Distúrbios do sono

· Aparecimento de condutas agressivas

· Auto-depreciação

· Perda de energia física e mental

· Queixas somáticas

· Fobia escolar

· Perda ou aumento de peso

· Cansaço matinal

· Aumento da sensibilidade (irritação ou choro fácil)

· Negativismo e Pessimismo

· Sentimento de rejeição

· Idéias mórbidas sobre a vida

· Enurese e encoprese (urina ou defeca na cama)

· Condutas anti-sociais e destrutivas.


“Depressão não é falta de amor, mas a falta de amor na hora certa!” (Leon Cytryn)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Neurociências: Consumo e Dependência de Substâncias Psicoativas

Atualmente existem novos conhecimentos das neurociências sobre o consumo e a dependência de substâncias psicoativas (ou farmacodependências)...